São negócios com termos diferentes, mas fiquemo-nos pelo número redondo. Benfica, 400 milhões por dez anos com a NOS. FC Porto, 457,5 milhões também por dez anos com a Altice/Meo.