Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.

Segundo a mesma fonte, a ameaça de bomba foi feita através de uma chamada telefónica cerca das 14:50 para a agência da Caixa de Crédito Agrícola Mútuo, situada na rua Luís de Camões.

A GNR deslocou para o local mais de uma dezena de militares que retiraram os clientes e funcionários do banco e cortaram a rua ao trânsito, criando um perímetro de segurança.

Uma equipa de inativação de explosivos da GNR fez uma busca no edifício mas não encontrou nada, concluindo que se tratava de um falso alarme, disse a mesma fonte, adiantando que a operação foi dada por concluída cerca das 17:20.

Além da GNR estiveram no local os Bombeiros de Oliveira de Azeméis com uma ambulância.

[Notícia atualizada às 17h46]