• Afinal, deu Fillon
    Afinal, deu Fillon
    A sombra de Trump pairou sobre estas primárias da direita francesa. Nem Fillon nem Juppé se atreveram a elogiar ou defender o fenómeno americano, mas consideraram que há uma onda conservadora internacional que os favorece. Ontem a direita votou e esc
  • 2016, o ano em que morreu o século XX
    2016, o ano em que morreu o século XX
    Quando termina um século ou uma Era? Na História, encontramos várias definições, mas talvez a mais lata e humana seja aquela que o determina pelo desaparecimento dos seus ícones. São eles que determinam as ideias, o comportamento, os sonhos e o esti
  • A Internacional Autoritária
    A Internacional Autoritária
    Desde a década de 1960 que se espalhou a sensação maravilhosa de que o mundo só podia progredir socialmente. As democracias tradicionais estavam consolidadas e a aperfeiçoar a igualdade e as oportunidades dos cidadãos. Os regimes autoritários, quer d
  • As duas grandes batalhas por Mossul
    As duas grandes batalhas por Mossul
    A primeira batalha decorre há vários dias, com as forças do ISIS a defender a cidade e uma “coligação de 60 países” (dizem os noticiários) a atacar. O desfecho parece inevitável; vai demorar semanas, mas a segunda maior cidade do Iraque deixará de fa
  • Grande diva, cantora ridícula
    Grande diva, cantora ridícula
    O filme de Stephen Frears, “Florence, uma diva fora de tom” trouxe ao conhecimento do mundo a excêntrica Florence Foster Jenkins, interpretada - com mais graça do que a própria teria - por Meryl Streep. Portugal também teve a sua Florence: chamava-s
  • A ascensão de Adolfina
    A ascensão de Adolfina
    Quando falamos da Alemanha ou do Governo alemão temos tendência a fulanizá-los em Frau Merkel ou Herr Schauble. Também simplificamos as suas posturas com a ideia de que a União Democrata-Cristã, onde os dois pontificam, é a força partidária mais à di
  • Segundo Round: onde é que já vimos isto?
    Segundo Round: onde é que já vimos isto?
    Por esta altura já toda a gente deve estar a perguntar para que servirá mais um debate entre Trump e Clinton. Não há quem não saiba ao que vêm, e é duvidoso que Donald consiga melhorar a sua imagem depois de mais uma semana de gafes. Mais duvidoso ai
  • O retorno da simplicidade
    O retorno da simplicidade
    João e Antónia abandonaram as suas bem remuneradas profissões em Lisboa, compraram dois hectares perto de Montemor e estão a tentar viver com qualidade sem destruírem recursos naturais esgotáveis. É possível? Valerá a pena?
  • Espanha: no te entiendo, no te entiendo
    Espanha: no te entiendo, no te entiendo
    Diz-se que a situação política está agitada em muitos países europeus, e até na Europa como um todo, mas em nenhum deles está mais confusa do que em Espanha. Há quase um ano que o país não tem um Governo eleito e, pelo andar dos partidos, parece que
  • O pai impetuoso ou a mãe dedicada?
    O pai impetuoso ou a mãe dedicada?
    Cem milhões de pessoas assistiram ao frente a frente entre Trump e Clinton. Exactamente 66 anos depois do primeiro debate presidencial televisionado da História (entre Nixon e Kennedy), ainda se discute até que ponto esta fórmula é decisiva para ganh
  • O novo Reino Unido está menos democrático?
    O novo Reino Unido está menos democrático?
    Muita coisa mudou em Inglaterra depois do Brexit, mas não as mudanças que se esperavam. Curiosamente, tanto o “The Guardian” como o “The Economist”, opostos no espetro ideológico, concordam que o país de repente surge como um Estado de partido único,
  • Brasília em brasa
    Brasília em brasa
    Vivem-se dias decisivos, na capital do Brasil. Por um lado, o impeachment da Presidente Dilma Rousseff chega à fase final, em que uma votação por maioria no Senado será suficiente para a afastar definitivamente. Por outro lado, recentes desenvolvimen
  • O dragão das Filipinas
    O dragão das Filipinas
    Eleito numa plataforma de direita em Maio, o novo Presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, está a cumprir o que prometeu na campanha: matar os suspeitos de tráfico de droga, sem julgamento.
  • Lula, de rei a réu
    Lula, de rei a réu
    Há meses que a imprensa, televisões e redes sociais anunciavam a prisão de Luís Inácio Lula da Silva como se estivesse iminente, fosse inevitável, ou até mesmo facto consumado. "Lula detido", "Lula levado para a Polícia Federal", "formalmente acusado
  • Hillary, a futura, não é a primeira
    Hillary, a futura, não é a primeira
    Mesmo mal amada, Hillary Clinton tem uma boa parte do planeta a torcer pela sua vitória e, se tudo lhe correr bem, será a primeira mulher Presidente dos Estados Unidos. Mas não é a primeira candidata. Já houve duas, no século XIX. Por acaso mulheres
  • Desculpe se lhe furei os olhos, foi sem querer...
    Desculpe se lhe furei os olhos, foi sem querer...
    Os alemães têm fama de ser rígidos, mas são os ingleses que têm o comportamento mais codificado da Europa. Quando duas pessoas não sabem sobre o que falar, falam do estado do tempo. Quando não sabem o que fazer, bebem chá. Têm horas precisas para com
  • A estranha mania das armas
    A estranha mania das armas
    É inegável, o bicho Homem gosta de armas. Mesmo quando não precisa nem tem uma boa desculpa para as guardar em casa ou trazer a tiracolo. Na Suécia, um pais civilizado e pacífico, 31,8 por cento das famílias tem pelo menos uma arma. Dito de uma manei
  • Brasília em guerra e não haverá sobreviventes
    Por estes dias, não há um político em Brasília que tenha descanso. O campo está minado por todos os lados, não se sabe quem são os amigos e os inimigos, os conchavos ("articulações") fazem-se e desfazem-se ao sabor da salvação imediata e qualquer coi

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.