• Os truques da imprensa, segundo Morrissey
    Os truques da imprensa, segundo Morrissey
    O músico britânico que catapultou os Smiths para a eternidade, e que a solo editou canções que ainda hoje ressoam nos ouvidos de inúmeros fiéis, está de regresso aos discos. E logo com um slogan de campanha: parem de ver as notícias.
  • Há que ter Thalento
    Há que ter Thalento
    Preparem as tochas e as forquilhas, vistam a camisola da selecção nacional de futebol e cantem bem alto o hino de Portugal: houve um estrangeiro que cometeu o desplante de falar mal de algo que é nosso. À carga, à carga!
  • Um Parabéns Mutante a Paredes de Coura
    Um Parabéns Mutante a Paredes de Coura
    Os Mão Morta celebraram 25 anos do seu álbum mais emblemático, e aproveitaram também para endereçar os parabéns ao Vodafone Paredes de Coura. Uns Wedding Present competentes, Beak> e Future Islands para dançar e uma inspiradíssima Kate Tempest comple
  • Alá é grande, quatro Allah-Las ainda mais
    Alá é grande, quatro Allah-Las ainda mais
    De melómanos para toda a gente, e da Califórnia para o mundo inteiro. O SAPO 24 esteve à conversa com Matthew Correia, baterista dos Allah-Las, que esta quarta-feira regressam a Portugal para um concerto no Musicbox, em Lisboa. O mote será “Calico Re
  • No final, tudo importa
    No final, tudo importa
    Chester Bennington, a voz de sempre dos Linkin Park, foi encontrado morto em sua casa em Los Angeles, na manhã desta quinta-feira, 20 de julho. Para trás deixa dois discos bastante celebrados e uma obra em que procurou sempre fazer mais do que o rótu
  • Super Bock Super Rock: É isto o futuro
    Super Bock Super Rock: É isto o futuro
    Segundo dia do festival foi essencialmente dedicado ao hip-hop. Pelos palcos passaram nomes como Pusha T, Keso, Slow J, Future e uns “deslocados” London Grammar num ambiente maioritariamente despido.
  • Super Bock Super Rock: É a Californicação, pá
    Super Bock Super Rock: É a Californicação, pá
    A MEO Arena esgotou para assistir de perto ao regresso dos Red Hot Chili Peppers a Portugal, onze anos após a sua última presença por cá e com disco novo, "The Getaway", por apresentar. Também os Orwells, Kevin Morby e Tigerman foram senhores no prim
  • Super Bock Super Rock: It's all in the name
    Super Bock Super Rock: It's all in the name
    It is one of the oldest festivals in Portugal, and it's back for the 23rd year straight, having migrated from Alcântara to Sesimbra to the Parque das Nações over this period. Artists like Red Hot Chili Peppers, Future, Deftones, London Grammar, Fatbo
  • Super Bock Super Rock: Acham mesmo que falta rock?
    Super Bock Super Rock: Acham mesmo que falta rock?
    É um dos mais antigos, e míticos, festivais de música em Portugal, tendo mudado de “instalações” por diversas vezes: só aqueles da velha guarda se lembrarão, por exemplo, da primeira edição na Gare Marítima de Alcântara. Regressado que está ao Parque
  • NOS Alive: Erguei os braços e tocai a fé
    NOS Alive: Erguei os braços e tocai a fé
    O último dia do NOS Alive contou com a presença dos “veteranos” Depeche Mode, que aqui apresentaram o seu último álbum, Spirit – por entre os clássicos de sempre. Mas não foram só eles quem animou os milhares de pessoas que se deslocaram, este sábado
  • NOS Alive: Uma estrela caiu do céu
    NOS Alive: Uma estrela caiu do céu
    O primeiro dia do esgotadíssimo festival NOS Alive teve lugar esta quinta-feira, ocupando uma vez mais o Passeio Marítimo de Algés com um cartaz eclético, onde o indie e o mainstream andam de mãos dadas. Sob Algés caiu uma estrela chamada The Weeknd,
  • NOS Alive: It's not just fado (and we love it)
    NOS Alive: It's not just fado (and we love it)
    Once again, NOS Alive features in its lineup many different Portuguese artists, alongside many great international bands. But why should non-Portuguese speakers listen to their music? Here's a guide to foreigners on what to expect from us this year.
  • NOS Alive: The survivalist's guide
    NOS Alive: The survivalist's guide
    Going strong after 11 years, NOS Alive returns to Algés for three more days of music. Between the 6th and the 8th of july, all roads lead to one of the most popular festivals, not only in Portugal, but also in continental Europe. Here's SAPO 24's gui
  • NOS Alive: Heróis do mar, nobre música
    NOS Alive: Heróis do mar, nobre música
    A 11ª edição do NOS Alive volta a contar com um cartaz onde os grandes nomes internacionais se juntam ao que de melhor se faz na música portuguesa de hoje em dia. O país irá estar bem representado em praticamente todos os palcos.
  • NOS Alive: Um guia de sobrevivência
    NOS Alive: Um guia de sobrevivência
    O mais concorrido, e titulado, dos festivais nascidos em Portugal está de regresso a Algés para mais três dias de música. Entre 6 e 8 de julho, todos os caminhos vão dar ao Passeio Marítimo e ao seu cartaz assumidamente eclético. Eis o guia do SAPO 2

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.