Até agora estava em vigor o nível 4, que indicava que o coronavírus estava em circulação com uma taxa de contágio alta e em aumento exponencial, enquanto o nível 3 sugere que o vírus está em circulação mas num grau mais reduzido.

“Houve uma diminuição constante nos casos que observámos nas quatro nações, e isso continua. Não significa que a pandemia acabou. O vírus ainda está em circulação geral e é provável que apareçam surtos localizados”, referiram os quatro responsáveis, num comunicado conjunto.

O sistema de alerta tem cinco níveis, sendo 5 o mais alto, indicando a necessidade de um confinamento porque existe um risco de os serviços de saúde ficarem sobrecarregados, enquanto que o nível 1, o mais baixo, reflete a inexistência de casos de contágio no país.

De acordo com os dados de quinta-feira, o Reino Unido registou desde o início da pandemia covid-19 42.288 mortos, o mais alto na Europa e o terceiro maior número a nível mundial, atrás dos EUA e Brasil.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.