"A transferência dos utentes é, na melhor das hipóteses, na quarta-feira", disse à agência Lusa o vice-presidente deste município do distrito de Évora, Luís Nascimento.

Fonte da Misericórdia tinha indicado à Lusa, esta manhã, que a operação de transferência poderia vir a ter lugar na terça-feira.

Mas, já esta tarde, o provedor da Santa Casa da Misericórdia de Vila Viçosa, Jorge Rosa, confirmou à Lusa a previsão da câmara para a realização da operação na quarta-feira.

Os 17 idosos que se encontram no lar e estão infetados com o novo coronavírus SARS-CoV-2 (eram 18, mas morreu um no domingo) vão ser levados para o antigo centro de saúde da vila, onde foi instalado um hospital de retaguarda.

O objetivo é desocupar as instalações para permitir que seja feita a "desinfeção do lar", acrescentou.

Em Vila Viçosa, há um surto de covid-19 associado a valências da Santa Casa da Misericórdia local, e, de acordo com o vice-presidente do município, Luís Nascimento, os testes rápidos gratuitos de rastreio à covid-19 destinados aos trabalhadores camarários e à população vão começar na quarta-feira.

Por determinação da autoridade de saúde, os 38 idosos do lar da Misericórdia que tiveram resultados negativos nos testes ao SARS-CoV-2 foram transferidos, no domingo, para a Zona de Concentração e Apoio à População de Reguengos de Monsaraz.

O objetivo desta transferência foi separar os utentes não infetados dos que já estão infetados, explicou o autarca de Reguengos de Monsaraz, José Calixto, numa publicação na sua página no Facebook.

"Esses 38 que não estão infetados já foram transferidos para Reguengos de Monsaraz", confirmou hoje de manhã à Lusa fonte da Santa Casa, indicando que permanecem no lar os 17 utentes que estão infetados - os outros utentes da Misericórdia com covid-19 dizem respeito a outras unidades da instituição.

Este surto de covid-19 já provocou três vítimas mortais, todas utentes da Misericórdia: Uma idosa de 86 anos do Centro de Dia de Bencatel, e dois homens, um de 91 anos residente no lar de Vila Viçosa e um de 90 anos do Centro de Dia de São Romão.

O total de infetados relacionados com este surto ronda as 100 pessoas, incluindo 45 utentes e 10 funcionários da Misericórdia, sendo os restantes habitantes da comunidade, de acordo a Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo.

No Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE), continuam internados, em enfermaria ‘covid', dois homens e duas mulheres associados a este surto, segundo fonte da unidade.

Todas as escolas do concelho de Vila Viçosa estão encerradas desde sexta-feira, provisoriamente, o mesmo acontecendo com as do município vizinho de Borba, por decisão da Autoridade de Saúde Pública, devido ao aumento de casos de covid-19 nos dois concelhos.

Portugal contabiliza pelo menos 2.343 mortos associados à covid-19 em 121.133 casos confirmados de infeção, segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.