Os detidos têm 19 anos e foram encontradas na sua posse 75 doses de cocaína e 14 de haxixe, assim como 122 euros, precisou a GNR, em comunicado, frisando que os suspeitos foram “constituídos arguidos e os factos remetidos” para o Tribunal de Loulé.

A ação policial teve origem numa denúncia a dar conta de uma “festa privada com muito ruído, numa residência isolada”, e quando os militares chegaram ao local “estavam 20 pessoas” na festa, tendo sido “identificado o responsável pelo evento”.

Uma vez no local, a GNR ordenou o fim da festa “por causa das regras definidas e previstas para o combate à pandemia de covid-19”, lê-se na nota.

Quando as diligências decorriam, chegaram “duas viaturas com mais dois convidados que adotaram um comportamento comprometedor quando viram os militares da GNR, tendo um deles atirado uma embalagem de plástico para o chão”, movimento que levou os militarem a proceder a revistas de segurança aos suspeitos.

Na sua posse a GNR encontrou “75 doses de cocaína, 14 doses de haxixe e 122 euros”, enquanto nas buscas domiciliárias realizadas posteriormente foram apreendidos “quatro telemóveis, dois cartões SIM, uma faca e dois moinhos de canábis”, acrescentou a mesma fonte.

Na sexta-feira passada, a GNR já tinha terminado duas festas que decorriam no Barão de São João, em Lagos, e em Albufeira, após denúncias de ruído.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.