A nova história de "Star Wars" arrecadou cerca de 96 milhões de dólares de bilheteira durante o período de férias que durou cerca de quatro dias nos EUA, segundo as estimativas deste domingo do estúdio da Disney.

"O poder da marca 'Star Wars' fazia com que o filme fosse o favorito a terminar como o mais visto no fim de semana de Natal, apesar da numerosa competitividade", disse Paul Dergarabedian, analista do site especializado em bilheteira comScore.

Rogue One, ao ocupar o primeiro posto dos novos lançamentos nos cinemas durante este período de férias e fim de semana alargado ainda por alguma margem, quer dizer que deixou muita concorrência a olhar para as estrelas e existiu muita competição pelo segundo lugar.

A segunda posição do pódio ficou então reservada para o filme animado "Cantar!" dos estúdios da Universal, que conta com as vozes (no original) de Matthew McConaughey, Reese Witherspoon, Seth MacFarlane e Scarlett Johansson, ao estrear nas salas com 56 milhões de dólares.

A fechar o pódio, ficou aquele que, à partida, faria concorrência direta com "Rogue One" e que a Columbia Pictures contava que fosse uma das suas galinhas de ouro do ano: "Passageiros". Porém, verificou-se um pobre exercício para os estúdios e nem mesmo a popularidade de Chris Pratt e de Jennifer Lawrence conseguiu salvar este conto de fadas passado no espaço que chegou a ser rotulado como sendo o novo "Titanic, mas muito pior". Ficou-se nos 23 milhões de dólares.

Para completar o top5, fica a comédia para maiores de 18 "Why Him" com 16 milhões e aquele do qual era esperado que quebrasse o enguiço das más adaptações para cinema de vídeo jogos (segundo a maioria dos críticos,  ainda não terá sido desta), "Assassin's Creed" arrebatou a quinta posição, somando 15 milhões de dólares.

Estes resultados vão de encontro ao verificado o ano passado, onde o sétimo episódio da saga "Star Wars" com "The Force Awakens" (2015) a dominar o box office do feriado de Natal, nos EUA.

"Meados de dezembro é aquele momento mágico para se lançar um filme de grande produção", explicou Dergarabedian, que deu "Avatar" (2009) e "Titanic" (1997) como exemplo de outros filmes que estrearam nesta altura do ano.

No entanto, mais de uma dezena de filmes estrearam ou viram a sua exibição ser expandida para um maior número de salas durante o fim de semana. A adaptação da peça de teatro vencedora de um Pulitzer Wilson "Fences", de August com Denzel Washington e com Viola Davies nos principais papéis, rendeu um pouco mais de 11 milhões de dólares - resultado que pode ser considerado positivo para um sexto lugar.

Apesar de ainda estar em exibição limitada, o aclamado musical "La La Land" de Damien Chazelle (que lidera, com sete nomeações, os prémios de cinema e televisão Globos de Ouro) abriu em 534 salas de cinema adicionais e terminou o fim de semana em oitavo lugar.

Quem estreou igualmente durante estes dias foi "Julieta", o novo filme de Pedro Almodóvar; "Silêncio", o novo filme de Scorsese que adaptou o romance epónimo de Shusaku Endo, publicado em 1966, sobre a viagem de dois missionários jesuítas (interpretados por Andrew Garfield e Adam Driver) portugueses do século XVII para o Japão, seguindo o mentor, padre Ferreira (Liam Nesson); "Live By Night" de Ben Affleck e, por fim, o drama da NASA, "Hidden Figures".

"Existiram tantos presentes debaixo da árvore de Natal que foi difícil acompanhá-los a todos", esclareceu Dergarabedin.

Em baixo, o TOP 10 das férias natalícias. Os números estimados são relativos à bilheteira de sexta a segunda-feira nos cinemas do Canadá e nos Estados Unidos da América, estando contabilizada a receita do mesmo período no resto do mundo.

1. "Rogue One: Uma História Star Wars" $96.1  milhões de dólares ($47.1 milhões no resto do mundo).

2. "Cantar!" $56.1 milhões de dólares ($27 milhões no resto do mundo).

3. "Passageiros" $23.1 milhões de dólares

4. "Why Him?" $16.7 milhões de dólares ($2.2 milhões no resto do mundo).

5. "Assassin's Creed" $15 milhões de dólares ($13.3 milhões no resto do mundo).

6. "Fences" $11.4 milhões de dólares

7. "Havaiana" $10.4 milhões de dólares ($14.9 milhões no resto do mundo).

8. "La La Land" $9.7 milhões de dólares ($4.3 milhões no resto do mundo).

9. "Festa de Natal da Empresa" $7.3 milhões de dólares ($3 milhões no resto do mundo).

10. "Beleza Colateral" $7.1 milhões de dólares ($3.6 milhões no resto do mundo).

Nota: Os números finais a nível doméstico (EUA e Canadá) só serão conhecidos amanhã.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.