O ator francês Gaspard Ulliel morreu após um acidente de esqui nos Alpes, adianta o jornal britânico The Guardian. A confirmação foi dada pela família do ator, que adiantou que Ulliel chegou a ser hospitalizado na cidade de Grenoble, mas que não sobreviveu aos ferimentos.

O ator, que passava férias com a família em Savoie, colidiu na tarde de terça-feira com outro esquiador no cruzamento de duas pistas azuis, segundo uma porta-voz do resort La Rosière. O segundo esquiador não precisou ser transportado de helicóptero, de acordo com a porta-voz.

Ulliel foi premiado pelo seu papel em "Um Longo Domingo de Noivado", de 2004, com um César — o maior prémio do cinema francês — por melhor ator promissor, e por "Tão Só o Fim do Mundo", de 2016, com o galardão de melhor ator.

O ator celebrizou-se pelas suas participações em "Embrassez qui vous voudrez", de 2002, e "Les Égarés", no ano seguinte, onde por duas vezes foi nomeado para melhor ator promissor. Mais tarde, deu o salto para Hollywood ao encarnar o famoso serial-killer Hannibal Lecter em "Hannibal Rising", de 2007, e encarnou Yves Saint Laurent em "Saint Laurent", de 2014, que lhe valeu o prémio Lumières.

Gaspard Ulliel entrou também na série da Marvel “Moon Knight”, que terá estreia em março na Disney+.

Durante a sua carreira eclética, participou em projetos ao lado de grandes nomes do cinema francês, como Isabelle Huppert e Gérard Depardieu. Com a sua leve cicatriz ligada a um arranhão de um cão na infância, foi também o rosto de um perfume Chanel.

O anúncio do seu acidente foi feito na manhã desta quarta-feira, evocando o destino de outras celebridades que foram vítimas de acidentes de esqui.

O CHU de Grenoble já havia admitido, no final de 2013, o astro alemão da Fórmula 1 Michael Schumacher, hospitalizado por seis meses após uma queda contra uma rocha ocorrida enquanto esquiava fora da pista com o seu filho em Méribel (Savoie).

Schumacher deixou finalmente o hospital em junho de 2014 em estado vegetativo para ser instalado numa mansão da sua família em Gland (cantão de Vaud, Suíça).

Localizado nas fronteiras dos Alpes franceses e italianos, La Rosière é um resort familiar com declives supostamente fáceis, mas onde o risco de colisões está presente, como em Flaine (Haute-Savoie), onde uma menina britânica de cinco anos morreu neste fim de semana depois de ser atropelada por um homem de 40 anos que estava a esquiar em velocidade excessiva.

A morte de Gaspard Ulliel, um jovem ator com carreira eclética, suscitou uma enxurrada de reações, da distribuidora Gaumont, a colegas de profissão e membros do governo.

"Gaspard Ulliel cresceu com o cinema e o cinema cresceu com ele. Eles se amavam perdidamente", reagiu o primeiro-ministro, Jean Castex, no Twitter.

"A sua sensibilidade e a intensidade das suas atuações fizeram de Gaspard Ulliel um ator excecional. O cinema perde hoje um talento imenso. Envio as minhas condolências aos seus entes queridos e os meus pensamentos a todos aqueles que choram a sua perda", disse a ministra da Cultura, Roselyne Bachelot.

Pierre Niney, que também interpretou Yves Saint Laurent na tela e ganhou o César por esse papel, disse estar "de coração partido".  "Gaspard era benevolência e bondade. Beleza e talento", escreveu no Twitter.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.