Hugo Silva, comandante da corporação de Vila Pouca de Aguiar, explicou que o veículo se despistou e embateu contra uma placa de sinalização, tendo-se incendiado de seguida.

Disse anda que o ocupante da viatura terá “ficado encarcerado”, não terá conseguido "sair a tempo" e que terá “falecido carbonizado”.

Hugo Silva referiu que, quando os bombeiros chegaram ao local, o carro “já estava tomado pela chamas”.

Segundo o responsável, o alerta foi dado às 18:54 e o acidente ocorreu ao quilómetro 42 da A24, no sentido Vila Pouca de Aguiar – Chaves.

A A24 encontra-se condicionada, estando no local a GNR.

Para o acidente foram mobilizados 34 operacionais e 11 viaturas, entre bombeiros de Vila Pouca de Aguiar e de Vidago (Chaves), militares da GNR, a equipa da Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) e o helicóptero do INEM, que não chegou a aterrar.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.