Numa nota publicada no sítio oficial na internet do campeonato, a Fórmula 1 anunciou que, “após um diálogo com o promotor [local] e as autoridades”, o GP da China de 2023 “não se realizará devido a dificuldades criadas pela situação da covid-19”.

Na mesma nota, lê-se ainda que “a Fórmula 1 está à procura de opções alternativas para substituir” esta ronda no calendário, que serão anunciadas “em devida altura”.

Este é o quarto ano consecutivo em que o GP da China é cancelado devido às restrições provocadas pela pandemia.

Neste momento, aquele país asiático vive uma situação de “tolerância zero” para casos positivos, que tem gerado protestos da população nas ruas de várias cidades.

Portugal foi alternativa a algumas das provas canceladas devido à pandemia em 2020 e 2021.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.