A disputar o seu primeiro torneio oficial desde o Open dos Estados Unidos, Nadal, que vai subir à liderança do 'ranking' na segunda-feira, acabou por abandonar antes do início da segunda meia-final do torneio parisiense, devido a lesão nos músculos abdominais.

Shapovalov, 28.º do mundo, consegue assim chegar pela primeira vez a uma final de um torneio da categoria Masters 1000

O jovem canadiano, de 20 anos, vai defrontar o ainda líder do 'ranking', Novak Djokovic, que vai estar pela sexta vez na final de Paris, onde venceu quatro vezes.

Para atingir a 50.ª final de um Masters 1000, 'Nole' bateu o búlgaro Grigor Dimitrov, 28.º do mundo, por 7-6 (7-5), 6-4, em uma hora e 38 minutos.

Este será o quarto encontro entre Djokovic e Shapovalov, todos disputados em 2019 e todos ganhos pelo sérvio.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.