O sueco, quase a completar 40 anos e que não jogava desde maio, depois de sofrer uma lesão no joelho esquerdo, entrou à hora de jogo para o lugar de Rafael Leão, e fez um golo em que só teve de encostar, a passe de Rebic, aos 67 minutos.

Na primeira parte, foi Rafael Leão a traduzir em vantagem a superioridade do AC Milan no jogo, com o avançado português a marcar aos 45, numa jogada que iniciou e concluiu, também com assistência de Rebic.

O jogo apenas não se tornou ainda mais tranquilo para os ‘rossoneri’ – diante de uma Lazio sem oportunidades -, devido à grande penalidade que Franck Kessie não conseguiu converter, aos 45+6.

Com o triunfo de hoje, o AC Milan reparte à terceira jornada a liderança da Série A italiana de futebol com o Nápoles, que no sábado venceu em casa a Juventus por 2-1, depois de ter estado a perder.

Também hoje, o campeão Inter Milão perdeu os primeiros pontos, ao empatar na visita à Sampdoria (2-2).

O Inter esteve por duas vezes em vantagem, com golos de Federico Dimarco, aos 18 minutos, e do argentino Lautaro Martinez, aos 44 minutos, mas a Sampdoria – pela qual o médio português Adrien Silva foi titular -, empatou pelo japonês Maya Yoshida, aos 34, e Tommaso Augello, aos 47.

Nos outros jogos, o Torino conseguiu os primeiros pontos e logo com uma goleada ao Salernitana, que ainda não pontuou, por 4-0, o Génova venceu em casa do Cagliari (3-2) e a Udinese do Spezia (1-0).

Ainda hoje a Roma poderá juntar-se a Nápoles e AC Milan na frente, caso vença na receção ao Sassuolo, num jogo carregado de simbolismo, por significar o milésimo da carreira do treinador português José Mourinho.

“Nunca pensei chegar aos 1.000 jogos, nem nunca os contabilizei, nem me preocupei com isso. Mas, quando me disseram que faltavam oito ou nove para os 1.000, reparei nisso e comecei a fazer contas”, contou à Lusa o técnico luso.

Benfica (11), União de Leiria (20), FC Porto (127), Chelsea (185 na primeira passagem e 136 na segunda, para um total de 321), Inter Milão (108), Real Madrid (178), Manchester United (144), Tottenham (86) e Roma (quatro) são os clubes pelos quais Mourinho orientou 999 jogos.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.