No final de uma marcha silenciosa, Fernando Santos afirmou aos jornalistas que a "saúde financeira da TAP" é a grande preocupação dos trabalhadores que se manifestaram hoje, no aeroporto de Lisboa.

A polícia no local estimou a participação de 200 a 300 manifestantes na marcha contra a greve de dez dias dos pilotos, que se inicia na sexta-feira.

Os pilotos da TAP marcaram uma greve, entre 01 e 10 de maio, por considerarem que o Governo não está a cumprir o acordo assinado em dezembro de 2014, nem um outro, estabelecido em 1999, que lhes dava direito a uma participação de até 20% no capital da empresa no âmbito da privatização.

VP/IZN/CSJ// ATR

Lusa/Fim

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.