Os casos foram notificados na Lunda Norte (80), 33 em Luanda, 30 no Cunene, 24 na Huíla, 20 no Namibe, 14 no Huambo, 6 na Lunda Sul, 6 no Moxico, 3 no Bié, 3 em Benguela, 3 no Zaire e 2 em Cabinda, com idades entre 1 e 94 anos, 106 de sexo masculino e os restantes, feminino.

Verificaram-se neste período 4 óbitos, um homem e três mulheres, com idades entre 40 e 79 anos, e foi registada a recuperação de 202 pessoas, com idades entre 1 e 97 anos.

O quadro epidemiológico atualizado contabiliza 41.629 casos, dos quais 981 óbitos, 35.284 recuperados e 5.369 ativos, dos quais 3 pessoas estão em estado crítico e 9 graves e 138 pessoas estão internadas.

Franco Mufinda chamou a tenção para o aumento do número de casos nas províncias do sul e no leste, apelando a que as pessoas redobrem a atenção e os cuidados de biossegurança, sublinhando que a covid-19 depende muito das atitudes e comportamentos individuais.

Foram processadas 4.402 amostras, enquanto os dados cumulativos apontam para um total de 791.578 amostras.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 4.139.040 mortos em todo o mundo, entre mais de 192,5 milhões de casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o balanço mais recente da agência France-Presse.

A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China, e atualmente com variantes identificadas em países como o Reino Unido, Índia, África do Sul, Brasil e Peru.

 

 

RCR // PJA

Lusa/fim

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.