Atualmente, a produção da ANG é "irregular" e distribuída gratuitamente através de um blogue (angnoticias.blogspot.com) na Internet.

Para além de um reforço de financiamento estatal, é necessária "formação em Português, porque é a principal ferramenta do jornalismo", destacou Salvador Gomes.