"Estas nomeações permanentes respeitam o espírito do acordo de desmilitarização assinado no ano transato pelo Presidente Nyusi e o líder da Renamo, Ossufo Momade", refere um comunicado da embaixada norte-americana em Maputo distribuído hoje à imprensa.

A nomeação definitiva resulta de avanços nas negociações de desarmamento, desmobilização e reintegração dos guerrilheiros da Resistência Nacional Moçambicana (Renamo).

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.