A organização disse hoje que os dados preliminares sobre a temperatura entre 2015 e 2019 e entre 2010 e 2019 "são respetivamente, e com quase toda a certeza, o período de cinco anos e a década mais quentes".

No relatório que foi divulgado hoje na Conferência do Clima que decorre em Madrid, a agência das Nações Unidas indica que a tendência se mantém desde os anos 1980 e que cada década é sempre "mais quente do que a anterior".

As medidas completas do corrente ano ainda não estão totalmente analisadas mas o organismo adianta que previsivelmente 2019 é "o segundo ou o terceiro ano" mais quente do período que está a ser estudado.

PSP // SB

Lusa/Fim

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.