Na conferência de imprensa diária de balanço sobre a pandemia, João Gouveia esclareceu que "já foram distribuídos 144 ventiladores" e que, "por vontade expressa dos doadores", 19 destinaram-se a hospitais do Norte e 78 à Área Metropolitana de Lisboa.

Os outros foram "entregues de acordo com os critérios estabelecidos pela 'task force'", que são a "efetividade, segurança e urgência" e 76% deles destinaram-se à Administração Regional de Saúde (ARS) do Norte, "devido ao esforço" a que os hospitais daquela área estão sujeitos.

"Além destes ventiladores, por empréstimo foi ainda possível dotar hospitais da ARS do Norte com cerca de 60 aparelhos, o que corresponde a 43% dos aparelhos que podíamos atribuir ao país", notou João Gouveia.

Segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde, registam-se em Portugal 380 mortes provocadas pela covid-19, mais 35 do que na véspera (+10,1%), e 13.141 casos confirmados de infeção, o que representa um aumento de 699 em relação a terça-feira (+5,6%).

Dos infetados, 1.211 estão internados, 245 dos quais em unidades de cuidados intensivos, e há 196 doentes que já recuperaram.

ACG // JMR

Lusa/fim

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.