"Na verdade há uma confusão, o Governo de Angola não é contra o Acordo Ortográfico, ainda não se manifestou contra. Pensa que tem algumas insuficiências, fez um estudo sobre isso e submeteu um documento com essas insuficiências para um debate alargado entre todos os países da CPLP. Em geral, a posição é essa", disse o também jornalista João Melo.

O escritor angolano fez estas declarações aos jornalistas durante as comemorações do Dia da Língua Portuguesa e da Cultura na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) - que se comemora hoje -, na sede da organização, em Lisboa.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.