Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.

Os dois chefes de Estado conversaram ao telefone, pela segunda vez, na tarde de sábado.

Segundo uma nota divulgada pela presidência brasileira, durante a conversa, os dois Presidentes “trocaram impressões sobre as reformas em curso no Brasil e nos Estados Unidos”.

“O Presidente Donald Trump revelou acompanhar e conhecer essas transformações e cumprimentou o Presidente Michel Temer pelos importantes resultados já alcançados”, é referido no comunicado, publicado na página da internet do Palácio do Planalto, sede do Governo brasileiro.

Por seu turno, o chefe de Estado brasileiro “sublinhou que uma série de indicadores económicos recentes permitem afirmar que o crescimento da economia e do emprego já regressou”.

Além disso, Temer destacou a necessidade de “aprofundar uma agenda bilateral para o crescimento, baseada na expansão do comércio e do investimento”.

“Por iniciativa do Presidente Trump, os dois mandatários trataram também de temas da atualidade regional”, lê-se ainda na nota do Governo brasileiro.

O líder norte-americano convidou Temer a visitar os Estados Unidos, é ainda acrescentado