Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.

Depois de uma primeira parte equilibrada, o Sporting entrou melhor na segunda metade e conseguiu uma vantagem de seis golos, que foi gerindo até ao final do jogo.

O Benfica entrou melhor na partida e chegou à vantagem, mas o guarda-redes do Sporting Asanin apareceu no jogo, com um conjunto de boas defesas, e os ‘leões’ conseguiram recuperar.

Com uma primeira parte equilibrada, o Sporting conseguiu uma vantagem de três golos, mas o Benfica, apoiado numa boa defesa e no guarda-redes Hugo Figueira, conseguiu recuperar e ao intervalo a vantagem do Sporting era de apenas um golo (14-13).

Na segunda parte, foi o Sporting a entrar melhor na partida e, aos 46 minutos, conseguiu chegar aos seis de golos de vantagem (25-19), com Asani novamente em destaque.

Do lado do Benfica apareceu o ‘pivot’ Paulo Moreno a resolver alguns problemas ofensivos dos ‘encarnados’, mantendo a equipa na luta, mas o Sporting geriu a partida até ao final e conseguiu preservar uma vantagem confortável.

Sporting-Benfica: 35-28.

Ao intervalo: 14-13.

Jogo realizado no Pavilhão do Ginásio do Sul, em Almada.

Sob arbitragem de Duarte Santos e Ricardo Fonseca, as equipas alinharam e marcaram:

Sporting: Asanin (gr), Igor Zabic (4), Pedro Portela (5), Michal Kopco (1), Frankis Carol (4), Ivan Nikcevic (3), Janko Bozovic (3), Carlos Ruesga (1), João Pinto (2), Carlos Carneiro (3), Cláudio Pedroso (5), Pedro Solha (2), Francisco Tavares e Edmilson Araújo (2).

Treinador: Hugo Canela.

Benfica: Hugo Figueira (gr), Hugo Lima (2), João Pais (2), Belone Moreira (4), Paulo Moreno (4), Luka Rakovic (2), Alexandre Cavalcanti (5), Nikola Mitrevski (gr), Tiago Pereira (3), Davide Carvalho (2), Uelington da Silva, Fábio Vidrago, Jernez Papez (1), Elledy Semedo (3) e Ales Silva.

Treinador: Mariano Ortega.

Marcha do marcador: 4-5 (10 minutos), 9-8 (20), 14-13 (30), 21-16 (40), 27-22 (50) e 35-28 (final do jogo).

Assistência: cerca de 600 espetadores.