Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.

De acordo com o MaisFutebol, o encontro entre o "Rei" sueco e o antigo Rei de Espanha aconteceu em Manchester, onde o anterior monarca do país que faz fronteira com Portugal esteve a convite do xeque Mansour bin Zayed, dono do Manchester City, a assistir ao jogo com o Liverpool.

Este é mais um episódio curioso de um dos grandes talentos futebolísticos da última década. Zlatan Ibrahimovic, conhecido também pelo seu feitio peculiar e, por vezes, conflituoso, é um considerado um dos melhores futebolistas suecos de todos os tempos (ganhou por 11 vezes o prémio de Jogador Sueco do Ano). Com uma carreira recheada de títulos, Zlatan (que também já tem direito ao seu documentário na Netflix) mudou-se esta época do Paris Saint-Germain para o Manchester United de José Mourinho, onde já leva 26 golos marcados em 41 jogos, repartidos por todas as competições em que os Red Devils participaram.

Esta mensagem no Instagram vem no seguimento de um outro post que Zlatan fez na mesma rede social, há algumas semanas atrás. Na altura, Ibrahimovic publicou uma fotografia na sua conta nessa rede social onde se apresentava como o "sucessor" de Carl Gustaf XVI, atual rei da Suécia.

Aparentemente, a "paixão" pela realeza do jogador filho de pai bósnio e mãe croata não é de agora. Resta saber se, depois do pai e antecessor, o atual Rei de Espanha, Felipe VI, reconhecerá o seu par sueco...