Não é a primeira viagem à China, tenho já muitas lições aprendidas e muitas mais por descobrir, sobretudo ao nível da cultura de negócios, investimento e inovação. O desejo de saber mais e uma curiosidade por uma experiência imersiva levam-me a embarcar dentro de algumas horas de novo com destino à China. Mas desta vez, a viagem é diferente.

Ao longo desta semana vou partilhar a experiência de um grupo de empreendedores europeus que responderam ao convite para se exporem e às suas iniciativas, passadas, presentes e futuras. Este é o tempo de enfrentar os "meninos grandes". No final deste programa, espera-se que estejamos melhor preparados para lidar com negócios que querem expandir-se para Oriente, mas também para acolher oportunidades na Europa made in China.

  • Onde e a fazer o quê:
    • CKGSB | A Cheung Kong Graduate School of Business fundada em 2002 é considerada uma das melhores escolas de negócios pós-graduação na China, com um papel de liderança no crescente setor privado chinês. Tem sede em Xangai e Pequim, o seu campus Shenzhen, escritórios em Hong Kong, Nova Iorque e Londres.
    • Esta business school promove um programa de cinco dias para empreendedores europeus, com experiência em startups, que estão a considerar envolver-se no dinâmico mercado da China. O programa vai permitir aos participantes visitar também as empresas de sucesso e o Silicon Valley de Pequim, bem como apoiar a criação de uma rede na China. O principal objetivo é transmitir a visão do mundo dos negócios digitais e da inovação da próxima geração na Ásia.
    • Este programa coloca os empreendedores em contacto os docentes da CKGSB que foram mentores de empresários como Jack Ma, Fu Chengyu ou Wu Yajun, entre muitos outros nomes com sucesso, bem como empresas da sua rede de contactos, a começar pela Alibaba, Huawei ou a mais reputada aceleradora de Startups na China. Este programa intensivo permitirá ainda contacto com investidores chineses, parceiros para potenciais negócios e sobretudo a integração dos empreendedores europeus num contexto de promoção de contactos em contexto de representação em negócios.
  • A viagem:
    • Viajarei na ida com uma companhia europeia e no regresso com uma empresa asiática. Em todas as viagens, a preparação é tudo, esta não foge à regra. Se a viagem fosse para São Francisco levaria t-shirts a dobrar, como vou para a Ásia ... é hora de preparar roupa formal que os empreendedores na Europa não usam, mas esta é uma das histórias a partilhar nos próximos dias. Como a Ásia está sempre adiantada, partimos dia 4, para dia 5 nos adaptarmos ao fuso horário (nunca fácil!) e dia 6 tudo começar! Saída do Porto com destino a Xangai, regresso a partir de Shenzhen.

A ideia de partilhar esta experiência é, por um lado, mostrar o importante trabalho de contínua aprendizagem e investimento pessoal dos empreendedores, e, por outro, ajudar outros em Portugal a conhecerem um pouco mais sobre os desafios que se impõem na relação com a China. Na mala levo muitas histórias, ideias que nunca foram empresas, protótipos que nunca chegaram ao mercado, e duas empresas com histórias muito diferentes, que ajudei a fundar: a iClio, com o seu produto JiTT.travel que se posiciona como uma empresa vocacionada para dotar os destinos e todo o tipo de agentes/empresas do turismo com soluções tecnológicas e conteúdos de excelência, e a CoolFarm uma empresa na área da tecnologia para a agricultura com soluções disruptivas para a otimização da produção agrícola. Como qualquer empreendedor que se preze, na bagagem levo também  a expectativa de oportunidades de negócio, mas desta vez além de tudo isso, levo um saco "vazio" para encher com conhecimento e potenciar no futuro.

A parte mais difícil da viagem é sempre a mesma: fechar a porta de casa e dar um último beijo à esposa (rainha) e às duas filhas (princesas)!

Vamos a isto! WeChat instalado... o programa já foi recebido, criado grupo de chat com todos os participantes ON! Aproveitar a viagem para fazer o trabalho de casa! Sim, é verdade, há trabalho de casa para apresentar na escola já na 2ª feira!

Até breve.