Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.

A explosão, seguida de incêndio, aconteceu pelas 16:00 (menos uma hora em Lisboa) no Bairro de Saint-Gilles, num prédio de habitação, uma zona onde residem muitos portugueses.

Pelo menos sete pessoas ficaram feridas, uma delas em estado grave, segundo a rádio e televisão belga RTBF, e três andares do edifício terão desabado. De acordo com a RTP, não foi ainda divulgada a nacionalidade dos feridos.

Segundo o Presidente da Câmara de Bruxelas, a explosão terá sido provocada por gás. Porém, ainda não há confirmação oficial. Afirmou, no entanto, que o edifício e um outro vizinho terão que ser reconstruídos na sua totalidade.

Por razões de segurança, de acordo com os media locais, cerca de 15 pessoas foram evacuadas enquanto os socorristas verificam os edifícios afetados.

Na sequência do incidente, a circulação de autocarros e do elétrico na área circundante do prédio estão suspensas.

Nas redes sociais vários utilizadores foram publicando vídeos e imagens do local.

[Notícia atualizada às 16h33]