Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.

“O Leicester tem o prazer de confirmar que Craig Shakespeare será o treinador principal durante o resto da temporada 2016/2017”, indicou o campeão inglês no seu sítio oficial na Internet.

Shakespeare assumiu o comando do Leicester em 23 de fevereiro, na sequência do despedimento do treinador italiano Claudio Ranieri, que levou o clube à conquista de um inédito título de campeão, um dos mais improváveis na história do futebol britânico.

"As capacidades do Craig enquanto treinador e o grande respeito que merecia de todos no clube eram bem conhecidos por nós", afirmou Aiyawatt Srivaddhanaprabha, vice-presidente dos campeões ingleses em comunicado. "Sempre soubemos que a equipa ficaria em boas mãos quando lhe pedimos para assumir o controlo", acrescenta.

O membro da direção dos foxes realça ainda a "resposta positiva" conseguida por Shakespeare assim que ele assumiu o controlo da equipa. Mostrou "grandes capacidades de liderança", salientou Srivaddhanaprabha.

Nesta época, apesar da continuidade – também inédita – na Liga dos Campeões, o desempenho das ‘foxes’ tem sido substancialmente mais modesto e Ranieri acabou por ser afastado quando a equipa estava apenas um ponto acima da zona de despromoção.

Shakespeare, que desempenhava as funções de adjunto do treinador italiano, assumiu o comando técnico e teve um início muito prometedor, tendo vencido os dois primeiros jogos no campeonato, frente ao Liverpool e ao Hull City, orientado pelo português Marco Silva.

O seu primeiro teste, depois do anúncio, será em casa, no King Power Stadium, onde o campeão inglês tentará dar a volta à eliminatória dos oitavos de final da Liga dos Campeões, depois de terem perdido 2-1, na primeira mão, em casa do Sevilha.