• Salazar tinha um blogue
    Salazar tinha um blogue
    António de Oliveira Salazar não só não tinha um blog como não usava o Twitter, não espreitava o Facebook ou publicava no Instagram. Tinha-nos, no entanto, mais controlados e vigiados do que os que nasceram no pós-25 de Abril, alguma vez poderão imagi
  • Pernas para que te quero
    Pernas para que te quero
    No Dia Mundial da Bicicleta começo por afirmar que, como em qualquer artigo de opinião, este texto dispensa objectividade. Tal acontece porque sou fã confessa de bicicletas. Durante muitos anos foi o meu principal meio de transporte. É um facto que m
  • Os cinco predadores do assédio sexual
    Os cinco predadores do assédio sexual
    Aqui está a perfeita definição para tanto do que (ainda) acontece na nossa sociedade: "Tristemente, sou sim fruto de uma geração que aprendeu, erradamente, que atitudes machistas, invasivas e abusivas podem ser disfarçadas de brincadeiras ou piadas.
  • O pai vai já que a mãe não está
    O pai vai já que a mãe não está
    Há tempos, numa frase de um texto já publicado, falei dos pais que até gostariam de usufruir desse direito a partilhar a licença parental mas que, porque não são uns meninos e porque dependem de chefias machistas, optam por fazer tudo à moda antiga e
  • Política de saltos altos
    Política de saltos altos
    Este artigo não é sobre política ou moda. É sobre as ideias preconcebidas, estereótipos e percepções que a roupa que vestimos produz. Também não é sobre partidos políticos, mulheres na política ou candidatos a posições políticas. É sobre mulheres e h
  • O novo 'normal' já está a acontecer
    O novo 'normal' já está a acontecer
    Não há um dia internacional da mulher mais especial do que outro mas, este ano, encontrei uma forma de o tornar diferente. Já escrevi e usei as mais diferentes abordagens para dizer sempre o mesmo: que não sou pela institucionalização de nada e que é
  • #OscarsSoFake
    #OscarsSoFake
    Tudo começou muito antes da cerimónia de entrega dos Óscares deste ano. Domingo. Fim de tarde, aquele momento em que pensas que só apetece fazer NADA e tens um jantar para preparar. Abres o frigorífico e percebes que precisas dos básicos leite, queij
  • O futuro foi ontem
    O futuro foi ontem
    Perguntam-me muitas vezes sobre o futuro da rádio. Na verdade, não sei. Como nenhum outro profissional saberá. Ou, pelo menos, poderá afirmar com absoluta certeza o que o futuro significa. Conhecemos as tendências, os indicadores, os comportamentos e
  • Ohhhh mãaaeee...
    Ohhhh mãaaeee...
    Ainda estamos longe do igualitarismo de outros países, mas temos de reconhecer o tanto que avançámos. Ainda que os países do Norte da Europa estejam na primeira liga em termos de igualdade de género, até os países mais conservadores mostram sinais de
  • Direito a viver. Direito a morrer?
    Direito a viver. Direito a morrer?
    Discute-se hoje no Parlamento a morte medicamente assistida. Eutanásia. À esquerda, acordo quanto ao direito à vida e à morte, sobretudo em relação à forma como se morre, e a dignidade que lhe deve estar implícita. À direita, o não garantido. Nos res
  • O Óscar é delas
    O Óscar é delas
    Da vitória de Trump, às mulheres que saíram à rua manifestando-se contra o presidente dos Estados Unidos da América, passando pela quase vitória de Viola Davis e Meryl (over rated) Streep, novamente nomeadas para os Óscares, poderíamos acabar no abor
  • Mulheres, mulheres, direitos à parte
    Mulheres, mulheres, direitos à parte
    Há várias coisas que me fazem feliz e escrever é uma delas. Sim, sou daquele tipo absurdo de pessoa que não se importa se os outros gostam ou não. Que não se preocupa com as opiniões mas que está sempre a tentar escrever melhor. Longe da perfeição vo
  • Meryl e o mito urbano da (des)igualdade de género
    Meryl e o mito urbano da (des)igualdade de género
    Nos Golden Globes, Meryl Streep começa por afirmar que perdeu a voz mas isso não a impediu de dizer algumas verdades. De facto, da mesma forma que muitos protagonistas masculinos ganham mais do que o seu equivalente feminino, também actrizes como Mer

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.