De acordo com o Público, a task force da vacinação referiu que faltam “cerca de 400 mil inoculações” para que o país atinja a meta dos 85% da população com a vacinação completa.

Os dados desta semana da DGS indicam que 80% da população portuguesa, o equivalente a mais de 8,2 milhões de pessoas, já concluiu o processo de vacinação contra o vírus SARS-CoV-2 e 85%, mais de 8,8 milhões, já tem a primeira dose da vacina.

A task force que coordena a logística da vacinação estima atingir na última semana deste mês a meta de 85% da população portuguesa com a vacinação completa, patamar que estava inicialmente previsto para outubro.

Sobre quem falta vacinar, a task force não adiantou um número quanto àqueles que podem ser inoculados e ainda não o fizeram. Contudo, recorda o jornal que Gouveia e Melo adiantou, há cerca de duas semanas, que a taxa de recusa no país seria de "3 a 3,5%, no máximo serão 4%".

Além das recusas, é de referir também que há sempre pessoas no país que não poderão ser vacinadas: crianças e casos em que tal não é medicamente aconselhado.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.