O porta-voz da organização Mohammed al-Misrati, citado pela Associated Press, afirmou que os corpos deram à costa hoje de manhã.

Segundo a mesma fonte, as circunstâncias do afogamento ainda não são claras.

A organização divulgou na sua conta do Twitter fotografias de dezenas de corpos e outros já em sacos pretos alinhados na costa.

O porta-voz acrescentou que as autoridades locais vão levar os corpos para um cemitério na capital, Tripoli.

O número de mortes no Mediterrâneo tem vindo a aumentar para valores recorde.

Segundo a Organização Internacional das Migrações (OIM), 5.079 pessoas morreram em 2016 quando tentavam atravessar o Mediterrâneo.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.