Segundo a organização não-governamental Jugend Rettet, cujo barco estava no local, referiu que 23 pessoas foram resgatadas com vida por um petroleiro.

“As tripulações estão a procurar sobreviventes na água e a recuperar cadáveres”, acrescentou a organização na rede social Twitter.

Pelo menos quatro corpos já foram recuperados.

“Estamos 122 no barco, não há crianças com menos de 15 anos, mas havia 10 mulheres no barco e apenas uma sobreviveu”, disse um dos sobreviventes, salientando que o seu irmão com 15 anos morreu.

Desde sábado, a guarda costeira italiana já coordenou o resgate de 2.600 migrantes, confirmando uma elevada taxa de partidas a partir da Líbia, apesar das condições do mar.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.