Em comunicado, o SEF refere que a ação, que decorreu no final da semana passada, teve como alvo dois clubes desportivos, associados à prática de futebol, na zona de Santa Maria da Feira e Anadia.

Durante a operação foram identificados 26 cidadãos estrangeiros, 14 dos quais estavam em situação irregular no país.

“Alguns dos atletas identificados pelo SEF haviam entrado no país ao abrigo de regimes de isenção de vistos, para estadias que não permitem o desempenho de qualquer atividade, nos últimos dias de janeiro, tendo sido quase imediatamente inscritos pelos clubes”, refere a mesma nota.

Segundo o SEF, os estrangeiros em situação ilegal foram notificados para abandono voluntário de território nacional no prazo de vinte dias sob pena de, em caso de incumprimento, virem a ser detidos e alvo de procedimentos administrativos de afastamento do país.

Aos clubes em questão, que tinham ao seu serviço atletas sem estarem habilitados ao desempenho de qualquer atividade em Portugal, foram ainda instaurados procedimentos de contraordenação, cujas coimas, no total, podem oscilar entre os oito mil e os 30 mil euros.

No total, participaram na operação 15 elementos do SEF.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.