O palco habitualmente utilizado pela Académica, da II Liga, será o palco da final pelo segundo ano consecutivo, depois de, em 1 de agosto de 2020, ter acolhido o embate entre o FC Porto e os ‘encarnados’, que os ‘dragões’ venceram por 2-1.

O Benfica qualificou-se na quinta-feira para a sua 38.ª final da Taça de Portugal, ao vencer em casa o Estoril Praia por 2-0, depois do triunfo por 3-1 na Amoreira, juntando-se ao Sporting de Braga, que chegou na véspera ao jogo decisivo, pela sétima vez, ao vencer no Dragão por 3-2, após o 1-1 na receção ao FC Porto.

Os ‘encarnados’ são os recordistas de vitórias na prova, com 26, a última em 2016/17, enquanto os ‘arsenalistas’ ganharam a competição duas vezes, em 1965/66 e 2015/16.

A final da edição 2019/20 já não se tinha realizado no Estádio Nacional, em Oeiras - o que não acontecia desde 1982/83 -, que tem tido o relvado em muito más condições, o que chegou a obrigar à sua interdição.

Coimbra será igualmente o local da final da Taça de Portugal feminina, que se realiza em 30 de maio, bem como do decisivo encontro do Campeonato de Portugal, em 12 de junho.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.