"La Casa de Papel: Coreia" surge com alguma naturalidade, basta ler os números. Só a  Parte 5 da versão espanhola contou com 792,23 milhões de horas vistas nos primeiros 28 dias — métricas que ajudaram a colocar a série no trono do conteúdo mais visto da Netflix. Isto, claro, até aparecer um tal de "Squid Game"e as suas 1,65 mil milhões de horas vistas no primeiro mês que tomaram os tops e rankings da plataforma de assalto.

Ainda não subscreveste o nosso podcast? Estamos no Spotify, na Apple Podcasts e no Google Podcasts.

Ao subscreveres garantes que não voltas a perder os próximos episódios e novidades! ;)

E já que aqui estamos, fazemos também um pequeno pedido: deixa críticas e reviews nas plataformas. Nós agradecemos e todo o feedback é bem-vindo!

Ou seja, estamos perante um conteúdo que espera beber diretamente da popularidade da série dos nossos vizinhos e do interesse mundial em conteúdo coreano que começou a escalar com a vitória de "Parasitas" nos Óscares e que explodiu com "Squid Game". Por outras palavras, a Netflix pegou no seu rolo compressor e espera tirar proveito deste mix de fenómenos.

Como já devem ter percebido, o remake foi tema central de discussão no último episódio do podcast Acho Que Vais Gostar Disto. E como tanta popularidade à mistura, recomendamos mesmo que oiçam o que João Dinis, Mariana Santos e Miguel Magalhães têm a dizer sobre o assunto. Porque visto bem as coisas, há muito para falar (eles já viram). Nomeadamente, se o mundo precisava de uma nova versão de algo que acabou apenas o ano passado…

Não percam!

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.