Em comunicado, esclarece que nesta data, a região já disponibiliza às populações 260 camas de convalescença, 881 camas de média duração e reabilitação, 1.630 camas de longa duração e manutenção, 25 camas de cuidados paliativos e 1.536 lugares de equipas de cuidados continuados integrados.

No âmbito da Pediatria, segundo a ARS-Norte, existem 17 camas de cuidados pediátricos integrados e 20 lugares de ambulatório pediátrico.

Na área da Saúde Mental, acrescenta, estão disponíveis 55 lugares em unidade sócio-ocupacional, oito visitas/dia em equipa de apoio domiciliário, 14 lugares de residência autónoma, 24 lugares de residência de apoio total, sete lugares em residência de treino de autonomia tipo A – infância e adolescência – e 10 lugares de unidade sócio-ocupacional infância e adolescência.

“A capacidade total instalada é, agora, de 4.487 – camas e acompanhamentos no domicílio –, a que corresponde um encargo financeiro do Estado, anual, da ordem de 59 milhões de euros”, acrescenta a ARS-Norte.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.