Graça Freitas aproveitou a conferência de imprensa destinada ao balanço da situação epidemiológica da covid-19 em Portugal para alertar para um outro risco de saúde: o calor excessivo previsto para os próximos dias que se poderá traduzir em “maior morbilidade e eventualmente maior mortalidade”.

Durante esta semana, “preveem-se temperaturas muito elevadas com noites tropicais, ou seja, noites em que a temperatura não vai descer abaixo dos 20.º”, sublinhou a diretora-Geral da Saúde, recordando que existem quatro grandes grupos que acabam por estar mais vulneráveis: as crianças, idosos, mulheres grávidas e doentes crónicos.

No seu site, a DGS publicou uma lista de recomendações:

  • Beba água ou sumos de fruta natural, mesmo quando não tem sede, e evite o consumo de bebidas alcoólicas;
  • Faça refeições frias, leves e coma mais vezes ao dia;
  • Utilize roupa larga, que cubra a maior parte do seu corpo, chapéu de abas largas e óculos de sol;
  • Mantenha-se em ambientes frescos, pelo menos 2 a 3 horas por dia;
  • Evite a exposição direta ao sol, principalmente entre as 11 e as 17 horas.
  • Utilize protetor solar com fator > 30 e renove a sua aplicação de 2 em 2 horas;
  • Se trabalhar no exterior, faça-o acompanhado porque em situações de calor extremo poderá ficar confuso ou perder a consciência;
  • Tenha especial atenção com os doentes crónicos, crianças, idosos e pessoas com mobilidade reduzida;
  • No período de maior calor, corra as persianas ou portadas; ao entardecer deixe que o ar circule pela casa;
  • Mantenha-se informado relativamente às condições climáticas para poder adotar os cuidados necessários.

Evitar demasiados esforços físicos e não estar ao sol nas horas de maior calor foram outras das recomendações deixadas hoje pela DGS, que voltou a lembrar os números para os quais as pessoas devem ligar caso se sintam mal: 112 ou para o 808 24 24 24, do SNS24.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.