"Não me pronuncio sobre a vida interna de outros órgãos de soberania", salientou Marcelo Rebelo de Sousa à saída do V Congresso Nacional de Saúde Pública, no Porto, quando questionado sobre a demissão do deputado do PSD José Matos Correia da presidência da comissão parlamentar de inquérito à Caixa Geral de Depósitos.

Sobre a polémica em torno da Caixa Geral de Depósitos, que envolve a anterior administração do banco e o ministro das Finanças, o chefe de Estado reiterou aquilo que já havia dito na quarta-feira.

"Da minha parte, ponto final parágrafo em relação à Caixa", respondeu Marcelo Rebelo de Sousa, apesar de abordar o futuro do banco público.

Para o Presidente, a Caixa terá "um grande desafio" daqui por um mês que "é a emissão de obrigações".

"Estarei aqui no Porto para apoiar essa emissão em encontro com empresários nacionais e estrangeiros", revelou.

Questionado sobre o novo livro do antigo Presidente da República Cavaco Silva, Marcelo Rebelo de Sousa referiu que ainda não leu a obra "Quinta-feira e outros dias".

“Vou ver se consigo ler até ao fim de semana e, se for caso disso, direi umas palavrinhas sobre a matéria”, disse.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.