A terceira edição da GLEX Summit, uma organização conjunta do Clube de Exploradores de Nova Iorque e da portuguesa Expanding World, junta nos próximos quatro dias as “maiores lendas vivas da exploração a nível mundial”, anunciou a organização.

Entre os mais de 50 oradores de várias áreas do conhecimento, constam James Garvin, cientista chefe da NASA e líder da missão DAVINCI a Vénus, o astronauta Michael López-Alegría, comandante da primeira missão privada à Estação Espacial Internacional, Bertrand Piccard, explorador suíço e pioneiro da aviação solar, e Rosaly Lopes, astrónoma brasileira que descobriu o maior número de vulcões ativos.

As cerca de 40 sessões programadas, que decorrerão em Ponta Delgada, contarão ainda com a participação de Siam Proctor, a primeira astronauta comercial negra a pilotar uma nave espacial, e Borge Ousland, explorador norueguês que fez a primeira travessia da Antártida sem apoio.

Portugal estará representado no painel de oradores através do cientista Emanuel Gonçalves, membro da Fundação Oceano Azul e investigador do Centro de Ciências do Mar e do Ambiente, e pelo biólogo marinho Jorge Fontes, investigador do Departamento de Oceanografia e Pescas da Universidade dos Açores.

Na terça-feira, a cimeira de exploradores GLEX terá uma sessão no vulcão dos Capelinhos, ilha do Faial, onde participará o cientista da NASA James Garvin.

O Clube dos Exploradores foi fundado em Nova Iorque em 1904 e tem cerca de 3.000 membros e entre eles, ao longo das décadas, estão pessoas que chegaram pela primeira vez a locais como o Pólo Norte, o Pólo Sul, a Lua, o topo do monte Evereste e o ponto mais fundo do oceano conhecido, na fossa das Marianas.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.