Segundo a FPP, em causa está o “erro” que deve ser “rapidamente corrigido” de incluir na fase 1 do plano de vacinação, que está a decorrer, apenas as pessoas com esta patologia a partir dos 50 anos, quando a “maioria dos doentes” tem uma idade inferior.

“A grande maioria dos doentes com esta patologia tem idade inferior, motivo pelo qual, na prática, nenhum doente com fibrose quística está a ser vacinado. Atendendo à gravidade dos quadros clínicos respiratórios associados a esta patologia esta situação é de todo incorreta”, alertou a fundação em comunicado.

Perante isso, a fundação, que se dedica à área das doenças respiratórias, enviou às autoridades de saúde um “pedido para que este erro seja rapidamente corrigido”, para permitir a vacinação prioritária na fase 1 a todos os doentes com fibrose quística com idade superior a 18 anos.

A agência Lusa pediu ao Ministério da Saúde esclarecimentos sobre este assunto, mas ainda não obteve resposta.

A pandemia de covid-19 já provocou pelo menos 2.682.032 mortos no mundo, resultantes de mais de 121,2 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 16.743 pessoas dos 816.055 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.