"Estamos na quarta vaga, a variante Delta é maioritária e muito mais contagiosa. [...] 96% dos novos casos de contaminações não estavam vacinados", disse o primeiro-ministro numa entrevista ao canal de televisão TF1.

Segundo anunciou hoje o ministro da Saúde, Olivier Véran, houve 21 mil novas contaminações nas últimas 24 horas com muitas novas hospitalizações, especialmente de pessoas frágeis, um pouco por todo o país.

"É uma situação que começa a ser tensa no plano epidemiológico", disse o ministro do Saúde.
Nas últimas 24 horas foram detetados 21.539 novos casos e morreram 22 pessoas.

Desde terça-feira foram admitidas 281 pessoas nos hospitais, mais 166 pessoas do que há uma semana, tendo havido mais três admissões do que na véspera nas unidades de cuidados intensivos em todo o país.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.