“O corpo foi encontrado ao largo de São Jorge e transportado para a Calheta”, disse o comandante Rafael Silva, que tem jurisdição nas ilhas do Faial, do Pico e de São Jorge.

Questionado sobre a identidade do corpo, o capitão do porto da Horta confirmou que se tratava do homem desaparecido há cerca de uma semana.

O alerta para o desaparecimento do homem, de cerca de 30 anos, foi dado por um familiar na segunda-feira ao anoitecer, depois de este ter saído de manhã para fazer caça submarina e não ter regressado a casa.

As buscas iniciaram-se ao nascer do sol de terça-feira e ainda decorriam quando o corpo “foi encontrado por uma embarcação marítimo-turística”, de acordo com Rafael Silva.

Estiveram envolvidos nas buscas a Autoridade Marítima, a Capitania, a Polícia Marítima, a Estação Salva-vidas, o navio da Marinha Portuguesa e os Bombeiros Voluntários das Velas e da Calheta, da ilha de São Jorge.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.