O festival, sob o lema "Nós e o Mundo" e através de concertos, exposições, mostras de produtos e gastronomia, visa "promover e divulgar" o cante alentejano, Património Cultural Imaterial da Humanidade, e incentivar o diálogo intercultural com outros países, explica a promotora, a Câmara de Aljustrel, no distrito de Beja.

Segundo o município, num comunicado enviado à agência Lusa, o Festicante deste ano é dedicado ao tema "Uma língua, várias culturas" e tem como convidados os cinco países africanos de língua oficial portuguesa (Angola, Guiné-Bissau, Cabo Verde, Moçambique e São Tomé e Príncipe).

O Festicante vai decorrer no Parque da Vila de Aljustrel e arrancar na sexta-feira, às 18:00, com a sessão de abertura, que irá incluir atuações de grupos corais alentejanos.

Segue-se, às 19:00, a inauguração de uma exposição coletiva, que reúne obras dos artistas membros do Núcleo de Artes Visuais de Aljustrel e do artista plástico Valdemar Dória, de São Tomé e Príncipe, e vai estar patente ao público até dia 30 deste mês, no Centro d'Artes de Aljustrel, situado no parque da vila.

Da "banda sonora" do festival, destaca-se, à noite, os concertos do grupo Adiafa e de YamiAfriKa com Miguel Ângelo, na sexta-feira, Nova Aurora e Angola Zone com Nancy Vieira, no sábado, e Maravilhas do Alentejo e Bonga, no domingo, seguidos de sessões de dj.

A "banda sonora" do festival vai incluir também quatro sessões informais de cante alentejano, duas no sábado e duas no domingo, sempre a partir das 13:00 e das 17:30, e as atuações do Grupo Coral Juvenil de Castro Verde, no sábado, às 18:00, e do projeto Sopa da Pedra - Paulo e Amigos, no domingo, às 19:30.

Uma mostra de produtos tradicionais de Portugal e dos cinco países convidados, demonstrações de cozinha portuguesa e africana e de danças populares e africanas e uma passagem de modelos infantil são outras das ofertas do 2.º Festicante.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.