As primeiras informações davam conta de que não havia vítimas, uma vez que só existiriam nove moradores na pensão, situada na Rua da Sota, e todos eles se encontravam no exterior do edifício.

Contudo, durante a operação de rescaldo, os bombeiros encontraram um corpo carbonizado, não tendo ainda sido possível apurar a identidade da vítima, referiu a mesma fonte.

Além da vítima mortal, houve dois feridos ligeiros que foram assistidos no local.

Entretanto, a Polícia Judiciária foi chamada ao local para proceder à investigação.

O alerta para o incêndio urbano, de causas ainda desconhecidas, foi dado cerca das 20:45.

Fonte oficial da Câmara Municipal de Coimbra disse à Lusa que as nove pessoas que moravam na pensão vão ser realojadas pela autarquia numa unidade hoteleira.

Ao local acorreram cerca de 70 operacionais, apoiados por 23 viaturas, dos Bombeiros Sapadores e Voluntários de Coimbra e Instituto Nacional de Emergência Médica, além da PSP.

[Notícia atualizada às 06h39 de 15 de fevereiro]

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.