O Presidente eleito dos Estados Unidos, que toma posse na próxima sexta-feira, tem vindo a pressionar os grandes grupos norte-americanos para que reforcem a sua atividade nos Estados Unidos.

Este investimento (equivalente a 934 milhões de euros) vai permitir no imediato a criação de 1.500 postos de trabalho, detalhou a GM, que vai ainda repatriar a produção de eixos do México para os Estados Unidos.

Os grupos do setor automóvel Ford e Fiat Chrysler também anunciaram recentemente que vão reforçar o seu investimento em território norte-americano.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.