A instituição de ensino seguirá os currículos escolares brasileiro e português, permitindo que os alunos tenham acesso a um duplo diploma duplo que permitirá concorrer a instituições de ensino superior nos dois países, e também será um centro de formação para professores de língua portuguesa.

O projeto é fruto de um plano de cooperação entre o Governo Português e o executivo do Estado de São Paulo, por intermédio da Secretaria de Educação, concretizando o decreto de cessão assinado pelo Governador e pelo ministro da Educação português, Tiago Brandão Rodrigues, em junho de 2017, na presença do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa e do primeiro-ministro, António Costa.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.