O fogo, ativo desde as 15:14, “está dominado e ainda não entrou em fase de rescaldo”, afirmou a mesma fonte à agência Lusa.

Segundo o CDOS da Guarda, o fogo provocou ferimentos ligeiros num bombeiro da corporação da Guarda, que foi reencaminhado para o hospital da sede do distrito.

Pelas 21:30, o incêndio mobilizava ainda 217 operacionais e 70 viaturas de várias corporações de bombeiros dos distritos da Guarda, Lisboa, Viseu e Castelo Branco.

Os seis meios aéreos que foram envolvidos para combater o fogo foram desmobilizados com o cair da noite, adiantou a mesma fonte.

O incêndio começou às 15:14 na localidade de Santo Estêvão.

(Notícia atualizada às 21h59)

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.