Por conta de perigo de explosão, os laboratórios de química da Escola de Medicina da Universidade do Minho, em Braga, tiveram que ser evacuados esta quinta-feira.

O alerta foi dado do interior da escola. Um recipiente com 20 litros de solvente (matéria inflamável) esteve em risco de explodir. Os Bombeiros Sapadores e Voluntários estiveram na UMinho e ordenaram a retirada de todas as pessoas do edifício.

Segundo avança o Jornal de Notícias, a origem do problema terá estado numa possível deficiência no acondicionamento do solvente. O líquido foi retirado pelos bombeiros, que fizeram a avaliação da atmosfera, mediram a temperatura e tiveram que fazer uma abertura sob uma cortina de água para proteção.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.

Um artigo do parceiro

Jornal digital generalista da região do Minho. Fundado em 2015, é líder na Internet, em leitores e seguidores nas redes sociais, numa região com mais de um milhão de habitantes, distribuídos por dois distritos, num total de 24 concelhos, e onde se destacam Braga, Viana do Castelo, Guimarães, Vila Nova de Famalicão, Barcelos, Ponte de Lima, Fafe e Vila Verde.