Segundo uma resposta do Ministério do Ambiente e da Transição Energética à Lusa, dos 709 autocarros elétricos e a gás previstos para entrega este ano, foram ativados 300.

Em março passado, durante a apresentação da Estratégia Nacional para a Mobilidade Ativa, o ministro do Ambiente, João Matos Fernandes, anunciou a entrega de 709 autocarros elétricos e a gás a diversas autarquias, além da criação de 10 mil quilómetros de vias cicláveis até 2030.

“De acordo com informação prestada pelo POSEUR (Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso dos Recursos), em 16/12/2019, dos 709 autocarros apoiados (153 elétricos e 556 a gás), 300 (38 elétricos e 262 a gás) já se encontram em circulação”, pode ler-se na resposta.

Para os distritos de Lisboa e Setúbal estão aprovados um total de 259 veículos – 237 a gás natural e 22 elétricos, tendo sido já entregues 184 a gás natural e um elétrico.

Segundo a nota, os distritos do Porto e Aveiro têm aprovados um total de 360 veículos – 294 a gás natural e 66 elétricos -, contando já com 96 entregues: 78 a gás natural e 18 elétricos.

Coimbra conta já com 10 autocarros elétricos a operar no seu distrito, de um total de 24 aprovados, todos eles elétricos.

O distrito de Braga conta também com sete viaturas elétricas na sua rede de transportes públicos, de um total de 39 aprovados: 25 a gás natural e 14 elétricos.

Ainda de acordo com os dados fornecidos à Lusa, o distrito de Bragança é o único que já conta com todos os veículos elétricos aprovados e entregues - dois.

Por entregar estão ainda os pedidos aprovados para os distritos de Coimbra, Faro, Leiria, Santarém e Vila Real, num total de 25 viaturas, todas elas elétricas.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.