A Polícia de Segurança Pública (PSP), no cumprimento de um mandado de busca e apreensão domiciliário, conseguiu resgatar “sete canídeos, três adultos e quatro cachorros, cobertos de pulgas e carraças, evidenciando claros sinais de subnutrição, em condições completamente degradantes”, lê-se no comunicado.

No mesmo comunicado, a polícia informa que a residência, devido “ao acumular de dejetos caninos e outros lixos”, constituía um “problema de saúde pública para os restantes moradores e próprios animais”.

A Casa Animal de Lisboa fez a recolha dos sete canídeos para as suas instalações.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.