A sua morte cerebral foi confirmada pelo hospital Sírio-Libanês.

Numa sessão no Congresso de Deputados, a deputada Benedita da Silva, do Partido dos Trabalhadores (PT), anunciou a morte da ex-primeira-dama e pediu um minuto de silêncio.

"Eu anuncio a morte da esposa do ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que nos autorizou a fazer isso, e pedir

Casada com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, foi primeira dama do país entre os anos de 2003 e 2011. A sua morte foi confirmada pelo ex-presidente brasileiro numa mensagem publicada nas redes sociais.

“A família Lula da Silva agradece todas as manifestações de carinho e solidariedade recebidas nesses últimos 10 dias pela recuperação da ex-primeira-dama Marisa Letícia Lula da Silva. A família autorizou os procedimentos preparativos para a doação dos órgãos”, escreveu Lula da Silva no Facebook.

Marisa Letícia estava internada no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, desde o dia 24 de janeiro, depois de ter sofrido um acidente vascular cerebral hemorrágico provocado pelo rompimento de um aneurisma.

O quadro clínico de Marisa Lula da Silva piorou na noite da última quarta-feira e voltou a ser sedada, segundo o médico Kalil Filho, que chefiava a equipa que cuidou da paciente.

De acordo com informações do médico da família, o cardiologista Roberto Kalil Filho, divulgadas hoje de madrugada pela imprensa brasileira, o quadro clínico da ex-primeira-dama era "irreversível".

[* O SAPO24 noticiou a morte da antiga primeira-dama do Brasil quando entrou em morte cerebral. Nesse mesmo dia, Marisa Letícia Lula da Silva foi mantida ligada às máquinas para que se pudessem realizar os procedimentos preparativos para a doação dos órgãos. A mulher de Lula da Silva viria a morrer 24 horas depois]

Notícia atualizada e corrigida à 00h 50m do dia 04/02/2016

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.