O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para hoje no continente céu pouco nublado ou limpo, apresentando períodos de maior nebulosidade no litoral Norte e Centro até ao início da manhã, e subida da temperatura máxima.

Está também previsto vento fraco a moderado do quadrante norte, soprando por vezes forte no litoral oeste durante a tarde, e nas terras altas do Centro e Sul até ao meio da manhã e a partir do final da tarde.

As temperaturas mínimas vão oscilar entre os 10 graus Celsius (em Braga, Guarda, Bragança e Viana do Castelo) e os 18 (em Faro) e as máximas entre os 22 (em Aveiro, Porto e Viana do Castelo) e os 33 (em Évora e Beja).

Para a Madeira está previsto céu muito nublado, possibilidade de aguaceiros fracos nas vertentes norte e terras altas até final da manhã e vento fraco a moderado de nordeste, sendo moderado a forte nas terras altas, com rajadas até 65 quilómetros por hora.

A previsão aponta ainda para pequena descida de temperatura nas terras altas.

No Funchal as temperaturas vão variar entre os 20 e os 26 graus e no Porto Santo entre os 20 e os 24.

Quanto ao arquipélago dos Açores, a previsão do IPMA aponta para períodos de céu muito nublado com boas abertas e vento oeste fraco a bonançoso.

Em Santa Cruz das Flores e na Horta as temperaturas vão oscilar entre os 20 e os 26 graus, em Angra do Heroísmo entre os 19 e os 26 e em Ponta Delgada entre os 19 e os 25.

Segundo o instituto, a partir de hoje prevê-se a “intensificação de um anticiclone a oeste do território do continente, que se estende em crista até ao Golfo da Biscaia, e a formação de um vale desde o norte de África até ao interior da Península Ibérica”.

Em comunicado, o IPMA explica que esta situação origina o transporte de uma massa de ar tropical seco, proveniente do interior da Península Ibérica.

Por isso, a partir de hoje e até sábado prevê-se uma subida gradual dos valores da temperatura, em especial da máxima.

Os valores da temperatura máxima, que têm estado sucessivamente abaixo da média para a época do ano (exceto no Algarve), vão subir gradualmente para valores acima da média na generalidade do território.

No sábado, os valores da temperatura máxima deverão variar aproximadamente entre 33 e 38 graus Celsius, com exceção da faixa costeira ocidental onde deverão ser inferiores e variar entre os 24 e 30 graus, e em alguns locais do interior do Alentejo e vale do Tejo, onde se poderão atingir valores da ordem de 40 graus.

De acordo com o IPMA, este episódio será temporário, uma vez que no domingo e na segunda-feira com a entrada de ar marítimo vai ocorrer uma descida gradual da temperatura máxima, a estender-se do litoral para o interior.

Cinco concelhos do distrito de Faro em risco máximo de incêndio

Os concelhos de Portimão, Silves, Loulé, São Brás de Alportel e Tavira, no distrito de Faro, apresentam hoje um risco máximo de incêndio, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

O IPMA colocou também mais de 30 concelhos dos distritos de Faro, Beja, Santarém, Portalegre, Castelo Branco, Viseu e Guarda em risco muito elevado de incêndio.

Mais de 90 concelhos dos distritos de Faro, Évora, Beja, Portalegre, Lisboa, Santarém, Leiria, Castelo Branco, Guarda, Coimbra, Viseu, Vila Real e Bragança estão hoje em risco elevado de incêndio.

O risco de incêndio determinado pelo IPMA tem cinco níveis, que vão de reduzido a máximo.

Os cálculos são obtidos a partir da temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas.

Continente, Madeira e Açores em risco muito elevado de exposição aos UV

Todos os distritos de Portugal continental e os arquipélagos da Madeira e Açores apresentam hoje um risco muito elevado de exposição à radiação ultravioleta (UV), segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Para as regiões com risco muito elevado, o IPMA aconselha a utilização de óculos de sol com filtro UV, chapéu, 't-shirt', guarda-sol, protetor solar e evitar a exposição das crianças ao sol.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.